Leclerc detona Verstappen por duvidar de motor da Ferrari: "Piada"

Piloto monegasco do time de Maranello ficou irritado com insinuações do holandês da Red Bull

Charles Leclerc respondeu de forma taxativa às acusações feitas por Max Verstappen de que a Ferrari estaria burlando os regulamentos de motores da Fórmula 1 na segunda metade da temporada 2019.

Segundo o piloto monegasco, que terminou apenas em quarto no GP dos Estados Unidos neste domingo com o time de Maranello, as insinuações do competidor holandês da Red Bull são uma “piada”.

Em entrevista ao canal de TV holandês Ziggo Sport após a etapa de Austin, na qual completou o pódio, Verstappen disse que o fraco desempenho da Ferrari no Texas poderia ser explicado pela mudança nas diretrizes de fluxo combustível impostas pela FIA neste fim de semana.

Questionado sobre o que aconteceu com a escuderia italiana, o holandês respondeu: "É o que acontece quando você para de trapacear, é claro. Agora temos que ficar de olho nisso, obviamente”.

Mais tarde, Verstappen repetiu suas alegações e não se mostrou surpreso com a falta de ritmo da Ferrari, reiterando o impacto das novas regras da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) no rendimento do carro vermelho: “Isso explica tudo”.

Irritado com os comentários do rival da Red Bull, Leclerc respondeu de maneira enfática: “Eu acho que é uma piada, para ser completamente honesto. Ele não tem ideia do que está falando. Ele não está no time”.
Charles Leclerc, Ferrari and Max Verstappen, Red Bull Racing in the Press Conference Fotógrafo: Andy Hone / Motorsport Images
"Sabemos exatamente o que estamos fazendo. Não sei por que ele está falando essas coisas. Ele não sabe nada sobre nós", ponderou o piloto monegasco, que não pôde brigar pelo pódio no Texas.

Antes do GP do México, a Red Bull havia escrito para a FIA solicitando esclarecimentos sobre a unidade de potência da Ferrari. Antes da etapa dos Estados Unidos, o órgão que rege o esporte a motor mundial optou por mudar os parâmetros de fluxo de combustível.

O chefe de equipe da Ferrari, Mattia Binotto, deixou claro o seu desapontamento com as acusações feitas contra sua escuderia. Segundo o dirigente, o fraco desempenho na corrida de Austin não teve nada a ver com o motor.

"Li e ouvi muitos comentários neste fim de semana sobre uma diretiva técnica e o impacto em nossos carros", disse ele. “Ouvi comentários no final da corrida que me parecem muito decepcionantes”.

“Na verdade, acredito que estávamos muito perto da pole position, assim como estivemos na última corrida”, ponderou o italiano. O alemão Sebastian Vettel se classificou em segundo, perdendo para o finlandês Valtteri Bottas, da Mercedes, por apenas 0s012.

"Acho que Seb poderia ter cravado a pole, mas talvez tenha sido um pouco cauteloso em um setor. Já Charles teve um problema claro de manhã, perdendo completamente o terceiro treino livre”, relembrou Binotto.

“No geral, olhando para o desempenho dele no Q3 e o que poderia ter sido feito sem o problema da manhã, tenho certeza de que ele também estaria na briga pela pole. Então não vejo onde está o problema”, afirmou o chefe da Ferrari.

“Se você olhar para a corrida, certamente verá que a velocidade na reta não foi nosso problema, e sim questões com a aderência do carro no primeiro stint, com os dois pilotos”, avaliou.

Binotto ainda fez um último adendo sobre as insinuações de Verstappen: “É o tipo de comentário que está completamente errado. Não é bom para o esporte e acho que todos devem ser um pouco mais cautelosos”.
Fonte e Reportagem: MotorSports (Por: Jonathan Noble Co-autor: Scott Mitchell)

Notícias e Dicas Automotivas, Você Encontra Aqui, no Blog da Zone Car!

(11) 4557-9718 - (11) 94574-9048

Nenhum comentário:

Blog - Zone Car Auto Parts - Auto Peças Online. Tecnologia do Blogger.